Porque tanta coisa colorida?

 

 

Escrito por Flávia Grégio

 

 

No meu tempo era tudo diferente, a pregação da Palavra de Deus na minha infância não tinha tantos “apetrechos” como há hoje. No meu tempo não havia internet tão divulgada que hoje fascina as crianças, os desenhos animados não eram tão próximos da realidade como hoje são produzidos, os programas infantis não eram tão bem elaborados com os atuais. Ainda assim você poderá questionar a respeito de tanta “sucata” e materiais sem serventia cristã (perucas, chapéus de espuma, objetos, etc.) como objetos para o ensino da Palavra de Deus. Entretanto, precisamos lembrar que essa história da aplicação espiritual da realidade ao redor já era usada por Jesus há muito tempo.

Olhar ao redor e pregar sobre algo que se vê é extraordinário e muito criativo, o próprio Jesus assim fazia:

·        Viu pescadores e os chamou para serem pescadores de homens

·        Falou dos grãos de mostarda, do fermento.

·        Imagino que Jesus apontou para um trabalhador no campo, e começou: “Um semeador saiu a semear...”.

 

Jesus usou ilustrações concretas para conceitos espirituais. Então, quando você pensa em uma ilustração atual, você está simplesmente repetindo uma das formas bíblicas de apresentar as verdades divinas.

Quando você usa recursos diferentes, criativos e atuais, você está simplesmente olhando os recursos como o próprio Jesus olhou.

Você não precisar comprar recursos caro ou ficar desesperado quando vai contar uma história porque não tem visual. Basta apenas usar a Pedagogia de Jesus, usando a criatividade e recursos/objetos que estavam á sua volta.