Pastorear Crianças

 

Pastoreando Crianças

 Autora: Flávia Grégio

 

Daqui a 100 anos não importará o tipo de carro dirigi ,o tipo de casa que morei, quanto tinha depositado no banco”,

nem que roupa vesti. Mas o mundo pode ser um pouco melhor porque fui importante na vida de uma criança”

(Autor desconhecido)

 

Entendemos que as bases para um ministério com crianças segundo o coração de Deus devem estar em: Evangelismo e Pastoreio. Ou seja, alcançar vidas para Jesus desde a infância, não deixando satanás chegar primeiro. Resgatá-las da morte eterna, e apascentar os cordeiros de Jesus que fazem parte do seu corpo, a Igreja de Cristo. É o rebanho de Deus que precisa ser: amado, reconhecido, alimentado e guiado.

          Para pastorear uma criança,é necessário primeiramente ganhá-la para Cristo,assim como está escrito em Marcos 16.15 “Ide por todo mundo e pregai o evangelho a todos“.

Devemos estar atentos quanto á salvação das crianças, pois não é vontade do nosso Pai que estás no Céu que nenhum deste pequenino se perca (Mateus 18.14), após fazer com que a criança caminha em direção á Cristo, precisamos dá a ela o leite genuíno, que é a palavra de Deus e Apascenta-la.

 

As crianças precisam de alguém que seja muito mais que um transmissor de conteúdos bíblicos todos os domingos. Muito mais que professores. Precisam de pessoas que tenham um coração pastoral. Deus está convocando professores chamados e ungidos por Ele capacitados e treinados pela Igreja para ministrar na vida das crianças.

 

Apascentar significa: Doutrinar, ensinar, guiar, pastorear, recrear, deleitar, entreter, nutrir, alimentar, sustentar.Jesus nos mandou que fizéssemos tudo isso com os seus cordeirinhos (João 21.15)

Lidar com crianças é um privilégio muito grande,pois as crianças são humildes e sinceras e é por isso que Cristo manda que sejamos como as crianças para herdar o reino de Deus (Mateus 18.2,3 e4), sendo assim são fáceis de conduzi-las á Cristo.

 

O que é Pastorear? 

 

          Pastoreio significa guardar, guiar. Logo, um pastor deve guiar seu rebanho para lugares seguros,dar-lhe alimento,abrigo e proteção dos males que podem lhe causar.

          Muitos professores estão confundindo pastorear em dá aulas.Pensam que pelo fato de estarem com as crianças na classe e nos cultos está bom...

O fato real é que muitos não sabem ao menos o que é pastorar uma criança ou como fazê-lo.

          Você já se perguntou porque somos comparados ás ovelhas?As ovelhas são animais dóceis e frágeis que necessitam de cuidados especiais.São animais eu podem se perder facilmente, e assim se ferirem ( Is 53.7/Jr 11.19/Mq 5.8/ Mt 10.16/ Nm 27.17/Mt 9.36

 

Leiamos alguns versículos do Salmo 23 e assim poderemos entender o que é ser um bom pastor, pois Jesus é nosso Bom Pastor, e a bíblia diz que devemos buscar ser imitadores de Cristo.

Você tem buscado ser um Bom Pastor como Cristo é nosso Pastor?Preste muita atenção:

 

O Senhor é meu pastor: O bom pastor é imitador de Cristo

Nada me faltará: Isso é preocupação; o bom pastor quer o melhora para sua ovelha.

Deitar me faz em verdes pastos: Isso é segurança;o bom pastor quer ver sua ovelha segura,longe do perigo.

Guia-me mansamente a águas tranqüilas: Isso é cuidado; o bom pastor preocupa-se em dar boa alimentação ás suas ovelhas, dá boa água, ou seja sacia a sede da ovelha.

Refrigera minha alma: O bom pastor tenta aliviar a angústia e a tristeza da alma, através de oração e apascento.

Guia-me pelas veredas da justiça: O bom pastor tem cuidado de guiar suas ovelhas em bons caminhos, no caminho certo.

Por amor de seu nome: O bom pastor faz tudo por amor a Deus, nunca espera algo em troca.

Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte: O verdadeiro pastor está em todos os momentos com suas ovelhas: nos momentos de alegria e dor

Eu não temeria mal algum... Porque tu estás comigo:Isso é certeza que pode contar sempre com o bom pastor
A tua vara e o teu cajado me consolam: A correção também faz parte do pastoreio, mas correção com amor e sabedoria.
Unge a minha cabeça com óleo: Isso é consagração; o bom pastor nunca deixa de consagrar sua ovelha a Deus.

E o meu cálice transborda: Isto é abundância, quando o pastor ora por suas ovelhas, ela tornam-se abençoadas, e a abundância reina em sua vida.
Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida: O bom pastor ministra bênçãos na vida da ovelha, e as bênçãos as seguem.
E eu habitarei na casa do Senhor: Quando a ovelha é bem pastoreada, ela não quer sair da proteção do seu pastor, porque ela se sente protegida.
Por longos dias: A ovelha bem pastoreada, bem instruída jamais sairá dos caminhos do Senhor.

 

 

Como Pastorear?

              Pastorear é algo muito mais além do que as quatro paredes da sua igreja...Pastorear é andar á frente do seu rebanho,e não atrás. É cuidar,orientar,apoiar,ouvir , relacionar-se com elas com interesse real.É encoraja-las seja através da palavra certa, de forma certa, no momento certo, seja pôr meio de atitudes que as façam valorizadas.É acompanha-las, de tal maneira, que as vejamos transformadas, mente e coração.
Porque "transformar" é mudança interior. É educar de modo a que a comunicação do conhecimento bíblico faça com que as verdades se tornem vivas para cada criança e as envolva com a Bíblia.

 

Quando pastorear as crianças?


É necessário e muito importante conhecer as características das crianças e entender as situações
que influenciam seu desenvolvimento integral.
Já desde a gestação, e nos primeiros anos da vida, a criança experimenta, associa a mãe , ao pai, às pessoas com as quais convive e ao ambiente , as mais variadas sensações
- proteção ou abandono
- bem querer ou mal querer
- ser mais uma ou ser única e esperada, faz o registro afetivo em si de todo o clima familiar.
O período de 0 a 6 anos é muito importante. Nesta a criança ainda não é capaz de alto-condução e então é o/a adulto/a que estabelece as normas de comportamento para elas.Sabemos que há uma relação do desenvolvimento humano com a fé. Esta relação começa nos
primeiros anos da vida, quando a criança interage com seus pais ou responsáveis. A fé se desenvolve como uma espiral, com forte resultados das situações vivenciadas pelas crianças nas relações com as pessoas e ambiente em que vivem.A integração no universo é um permanente processo evolutivo, uma constante auto-elaboração e necessidade que se renova a cada manhã e que se torna mais aguda em determinadas faixas de idade de nossa existência (criança, adolescente, idoso/a).
As crianças de 6 a 9 anos começam a responder por elas mesmas, têm a capacidade maravilharem-se, são afetiva e têm muita sensibilidade.
Dos 9 a 12 anos ocorrem muitas mudanças. Despertam para a criatividade, surge os "grupos".

 

Como pastorear o coração da criança:

A espera do nascimento:
A pastoral começa com o pai, a mãe e toda a igreja. Encontrar tempo para conversar sobre o nascimento da criança ela vai se localizar na
família - primogênita, caçula, seus irmãos, suas irmãs e avós...
Falar sobre batismo. A importância da nossa herança de fé.
O nascimento: Manifestar a alegria da chegada da criança - (um cartão, uma flor, um livro).
A visita pastoral é esperada pela família com grande espectativa.
O anúncio na igreja - bonito cartaz , painel - Acolhida e apresentação da criança no primeiro dia que ela for a igreja.

Apresentação da criança na igreja

É muito importante a presença e a oração da ministra de crianças durante a apresentação da criança na igreja, Depois de você ministrar junto á mãe durante toda gestação, chegou a hora de ajudá-la com a educação religiosa.E isso inclui com as boas vindas do bebê á classe do berçário da igreja.

Você pode confeccionar um certificado de apresentação, ou organizar um culto do bebê.
" O pastor/a precisa trabalhar o culto, tornando inclusivo às crianças."


O aniversário:
É o dia especial de cada uma criança. É importante ter a relação de todas as
crianças com a data de nascimento. Quando for telefonar, saiba quantos anos ela estão fazendo. Criança gosta que saibam sua idade certaÉ importante demonstrar interesse pastoral para as crianças com respeito a seus estudos . Orar com elas no início do ano letivo, conhecer suas dificuldades e descobrir como incentiva-las. Organizar encontros para conversar com as crianças sobre suas escolas. É possível entender muito mais as crianças a partir dessas experiências conjuntas. Outras atividades muito interessantes são com relação as ferias. Pode-se organizar encontros para ver filme, comer pipoca e criar atividades de jogos, teatro, música e tantas outras. Sem saudosismo mas ainda tem "sabor" organizar pick-nick.
.

A escola:
A educação cristã acontece em todos os espaços da igreja , tanto nos espaços físicos quanto nos "espaços" de convivência. A escola deve ser um lugar de muita experiênciaboa para as crianças de todas as idades.
As crianças pequenas até quatro anos aprenderão nossas atitudes e valores.
Os/as adultos/as que amam e cuidam da criança transmitem, por meio de seus atos que Deus é
amor e que ele ama e cuida de seus filhos e filhas. As várias atividades que visam o desenvolvimento total da criança ajudam a construir o alto conceito : "Sou amado/a. Tenho capacidade de crescer, amar, participar e contribuir para um mundo melhor". Os frutos do espirito - amor, alegria, paz, paciência, bondade, humildade, fidelidade, domínio próprio - são características que devem fazer parte de nossa vida se vamos compartilhar nossa fé com as crianças.
O pastor/a deve visitar as classes das crianças incentiva-las, elogia-las, contar histórias e outras
atitudes muito importantes.
Dar especial atenção as fazes da participação na escola dominical.
Estabelecer os ritos de passagem - do berçário para o jardim e assim por diante. Explicar para as crianças, conversar, deixar que elas falem de seus sentimentos. Oferecer um legado que marque este momento de passagem.


O culto:

 

Momento difícil na vida da criança:

Esses momentos incluem a morte de um parente, dificuldade na escola, problemas com relacionamento, etc. Este é o melhor momento para o pastor de crianças atuar, pois é neste momento que a criança está mais necessitada. Mais vale lembrar que se você só consegue se aproximar da criança nestes momentos quando você já obtém uma comunhão com a criança.

 

Porque pastorear?

 

           Assim como nós, as crianças acarretam necessidades na vida dela, e você como um pastor deve conhecer muito sem essas necessidades. Você precisa saber lidar com os problemas de cada criança. Não pense que ela não tem problemas, cada um tem o problema de acordo com seu mundo,para a criança o fato de não poder comprar um brinquedo caro que elas não podem ter mas que muitos amiguinhos tem já é um problemão.

 

Problemas existentes na vida da criança:

 

1. Um novo irmão

2. Morte de alguém especial

3. Mudança de casa ou escola

4. Separação dos pais

5 .Oração não respondida

6. Inferioridade e agressividade

7.Medo

8.Influência da mídia

9. Violência sexual

10. Abandono,adoção

 

 

Qualidades de um Bom Pastor

 

ü Preocupa-se com suas ovelhas

ü Mostra interesse de um modo geral com a vida da criança,

ü Procura saber da família,endereço,e etc a fim de fazer visitas

ü Ora por suas ovelhas

ü Vê o pastoreio como ministério,e não como “cargo”

ü Preocupa-se com as feridas espirituais da ovelha

ü Vive segundo o coração de Deus

ü Dá bons conselhos sob direção de Deus e ser exemplo

ü Recebe as ovelhas com amor

ü Conhece bem as ovelhas ,e as ovelhas conhecem sua voz.

ü Ama o ministério,ama as ovelhas e nunca procura status.

ü Esta presente nos momentos importantes de sua vida;

ü Compartilhar e orientar a família;

ü Faz da criança discípulo de Jesus;

ü Ora diariamente pelos alunos e o departamento;

ü Ter tempo para aconselhamento aos alunos que estão precisando;

ü Mostrar interesse telefonando e visitando os ausentes;

ü Cuidar da criança nas áreas física, mental, social e espiritual;

ü Ser o bom exemplo que as crianças imaginam que você seja;

ü Mantem uma boa comunicação sempre;

ü Estimular bons relacionamentos

 

Qualidades de um Pastor Infiel

 

ü Não se preocupa com suas ovelhas

ü Nunca percebe aquela que está faltando

ü Nunca visita as ovelhas,ao menos aquelas que “lhe convém”

ü Acha que é ’o líder “, ou seja ,não precisa nunca servir”.

ü Deixa suas ovelhas com feridas espirituais

ü Nunca sabe o nome da ovelha, nem conhece a família.

ü Difama e calunia as ovelhas que lhe oferecem ajuda.

ü Tem vontade própria, não busca o querer de Deus.

ü Anda atrás do rebanho a fim de não se machucar,ou seja,pensa em si próprio.

ü Procura sempre se aparecer,e se auto-promover

 

Quais as necessidades da Criança?

 

Para se fazer um Bom Pastoreio, deve-se saber quais as necessidades dela:

 

1. Um Sentido de significado

2.Sentir segura

3.Ser aceita

4.Amar e ser amada

5.Receber elogios

6.Ser disciplinada

7.Conhecer,receber e andar com Deus (Ser Pastoreada)