Liderança Infantil com Propósitos

Webnode

 

Lidere Crianças com um propósito

1. Alcançar as crianças com o Evangelho

Alcançar significa ir aonde elas estão. As células possibilitam levar o Evangelho a mi-lhares de crianças ao mesmo tempo. Por isso, o líder deve freqüentemente apresentar o Plano de Salvação às crianças, para que tenham a certeza de que Jesus morreu por elas e O recebam, ainda na infância.

2. Ensinar a Palavra de Deus visando formar a mente e o caráter cristão

A Palavra de Deus, ensinada na célula, tem o poder de moldar a mente das crianças e formar nelas valores cristãos. Há algum tempo, uma mãe me procurou para testemunhar que seu filho de oito anos se recusou a fazer judô porque o professor disse que ele teria que reverenciar uma estátua de Buda. O menino disse ao professor que ele só podia se prostrar diante de Jesus. Nós não falamos nada sobre outras religiões na célula. Nós ensinamos os princípios, mas o Espírito Santo trabalha no coração das crianças, levando-as a discernir o que elas devem ou não fazer.

3. Ser a imagem de Deus para elas

As crianças têm necessidades espirituais como qualquer outra pessoa. O líder de célula é um instrumento de Deus para suprir essas necessidades. Ser a imagem de Deus significa ser como Jesus é. Assim como o Senhor, o líder deve atraí-las com a vida de Deus. Vejamos como isso pode acontecer:

a. Seja amoroso. Ame as crianças e deixe que elas percebam isso

Você sabe quando alguém ama você, e o contrário também. Ora, as crianças são sensíveis e sabem quando alguém gosta delas de verdade ou não. Se você expressar o amor de Deus às crianças de sua célula, elas virão e com certeza trarão outros com elas, porque o amor atrai!

b. Seja sorridente. Sorrir atrai as crianças

O líder de célula de crianças precisa aprender a sorrir, a ser alegre. Se você tivesse que escolher entre uma célula, cujo líder é serio, e outra, cujo líder é uma pessoa sorridente, qual você escolheria? A maioria das pessoas prefere estar ao lado de pessoas felizes e sorridentes.

c. Seja espontâneo

Uma das características mais marcantes nas crianças é a espontaneidade. Um líder espontâneo atrai as crianças. À medida que as crianças se identificam com o líder, elas são atraídas para a célula. Somos atraídos por aqueles com quem nos identificamos.

d. Seja bem-humorado

Um líder precisa ter bom humor porque crianças são engraçadas, por natureza. Ser bem-humorado não significa contar piadas. Mas sim, ser aberto, receptivo, alegre, não deixar os problemas estampados no rosto. Deus é alegre, bem-humorado, paciente, amoroso e receptível. Expresse a Sua imagem sendo também assim.

e. Seja firme

O amor é firme. Isso nos fala de saber manter a disciplina. O líder pode sorrir, brincar, contar histórias, mas sem abrir mão da disciplina. Jesus era alegre e convivia com as pessoas, mas também ensinava, corrigia, confrontava e falava a Verdade. Ser firme não é ser duro, mas ser coerente. Cabe ao líder orientar e manter um ambiente adequado em cada parte da reunião da célula.

f. Seja coerente

Ser coerente é viver o que se prega. Antes de o líder ensinar com a apostila, ele deve ensinar com a própria vida. A sua vida deve ser coerente com o que ele ensina. As crianças vão observar o seu comportamento e a sua maneira de falar com os outros. Por isso, viva os princípios da Palavra de Deus que você tem ensinado a elas.

4. Dar às crianças um propósito de vida

O líder deve falar às crianças do plano de Deus para elas. Elas nasceram com um propósito certo. É da vontade de Deus que elas O conheçam e sejam cheias da Sua vida. O líder de crianças deve prepará-las para serem líderes, declarando a nossa visão como igreja, onde cada crente é um ministro. O líder deve também ensinar que cada criança deve aprender a ser um vencedor. Esse senso de propósito crescerá dentro delas e, mais tarde, elas serão usadas por Deus.

5. Alcançar famílias para Cristo

Também estamos entrando nas casas através das crianças que estão se convertendo. Entramos com o Evangelho em lares em que os pais ainda estão com o coração duro para Deus e, através das crianças e da intercessão das células, muitos estão sendo alcançados. Nosso alvo é alcançar famílias inteiras para Cristo.

6. Formar uma geração de intercessores e profetas

Deus nos deu uma Palavra: que as crianças seriam fortes na intercessão e seriam levantadas como profetas na sua geração. Creio que, quando Deus nos dá uma Palavra, Ele espera que trabalhemos de acordo com ela. Deus age e cumpre as Suas promessas através da Igreja. Se quisermos ver crianças fortes na intercessão, precisamos primeiro ensiná-las a orar. A oração deve ser uma prática normal na vida delas, começando desde a infância.

Segundo, se quisermos ver uma geração de profetas, precisamos colocar a Palavra de Deus no coração delas. O profeta é alguém que fala da parte de Deus. Antes de liberar a Palavra, ela precisa entrar em nossos corações. Por isso, é importante que o líder repita várias vezes os princípios ensinados, incentivando as crianças a repeti-los. Decore, juntamente com elas, os versículos e estimule-as a declarar o versículo no momento da oração.

Nós veremos uma geração de crianças sendo levantada como intercessores e profetas, porque Deus falou e porque esse é o nosso encargo.

 

Por Márcia Ribeiro – Igreja Videira