Incentivando á Leitura Bíblica

 

Escrito por Flávia Grégio

 

Algumas vezes é difícil atrair a atenção dos pequeninos para um livro de mais de dois mil anos de idade, onde há um excesso de mídia e grandes níveis de tecnologia, ou até mesmo convence-las que uma pessoa pode ser a mesma ontem, hoje e sempre.

As crianças até se interessam pelo passado, mas não tem muito interesse em preserva-lo.

Os pais e ministro de crianças não podem jamais deixar de conduzir os pequeninos ao Livro dos livros logo no início da vida. As crianças de hoje, precisam de alguma forma, ser ensinadas que, embora o mundo mude Deus absolutamente não muda. Elas podem ser levadas a buscar direção, a instrução e a imutável verdade que transcende o tempo e transforma vidas. Devem considerar as Escrituras como uma herança preciosa preservada exatamente para elas.    

 

 

Qual a versão bíblica escolher?

 

Algumas Bíblias foram publicadas décadas atrás; outras estão prestes a serem completadas. Algumas se apresentam em forma de bolso, outras são maiores, impressas em letras grandes. Algumas tem a tradicional capa preta; outras tem capa com zíper ou em outros materiais coloridos.

Mas não é por cor ou tamanho que você deve considerar ao comprar ou usar uma Bíblia com os pequeninos., mas sim a melhor tradução.

Embora a tradução de João Ferreira seja a amis conhecida(preparada inicialmente no século XVII), algumas pessoas a consideram muito difícil ás crianças.

A Edição Revista e Corrigida (ERC) e a Edição Revista e Atualizada no Brasil (ERAB) são as mais aceitas entre os evangélicos, que pesar de serem fiéis aos originais, apresenta uma linguagem rebuscada e vocabulários que já caíram em desuso.

Uma nova versão adotada pelos Americanos é a Nova Versão Internacional (NVI).Aa versão parafraseada da Bíblia Viva tem ajudado milhões de pessoas a destrinchar as Escrituras porque sua linguagem é tão atualizada e moderna quanto qualquer livro contemporâneo, mas devemos notar, entretanto que a Bíblia Viva é uma paráfrase livre e não uma tradução. Ou seja, é uma interpretação do que a Bíblia diz, e não uma tradução palavra por palavra das línguas bíblicas antigas (hebraico, aramaico e grego)

Há também a Bíblia na Linguagem de Hoje, que é a mais recomendada para crianças por não ser uma tradução palavra por palavra, mas sim, ideia por ideia.

 

 

Mãos á Obra !

 

A Bíblia pode fazer grande diferença na vida de qualquer criança. Mas é necessário ter simplicidade e criatividade para incutir compreensão bíblica em nossos pequeninos. Nenhum projeto pode dar certo sem um plano mestre.

Então, primeiramente:

 

1.    Aprofunda-se em conhecimento bíblico

  

2.    Dê Bíblias de presente

 

3.    Ajude a criança a familiarizar-se com a Bíblia

  

4.    Ensine á criança como encontrar o que ele quer na Palavra de Deus

 

5.    Estimule a criança a estudar a Palavra de Deus.

 

6. Ensine a Memorizar Versículos

 

7.  Seja Criativo! 

  

 

 

 

Auxilio Bibliográfico:

 

·         CHAPIN, Alice. Desenvolvendo a fé em seus filhos. São Paulo: Editora Candeia, 1999.

·         TRENT John, OSBORNE Rick, BRUNER Kurt. Ensino sobre Deus ás Crianças, traduzido por Lena Aranha. Rio de Janeiro: Casa Publicadora das Assembleias de Deus, 2007.

·         SILVA, Antônio Gilberto, A Bíblia Através dos Séculos. Rio de Janeiro: Casa Publicadora das Assembleias de Deus, 1986,

 

 

 

 

 

 

7.