Capelania Infantil

 

 

Escrito por Flávia Grégio 

 

CAPELANIA INFANTIL

 

 

 

“ Se Jesus é Deus e morreu por mim, nenhum sacrifício é demasiadamente grande para eu fazer por Ele”

(C.T. Studd)

 

O que é Capelania?

 

Capela deriva-se do latim expelia, uma capa. Esse termo foi inicialmente aplicado ao lugar onde São Martinho guardava sua capa. Veio então a significar um pequeno trecho, uma ala subordinada ao edifício principal, embora contendo o seu próprio altar (que vide), Mas também dava a entender um lugar onde se efetuava adoração particular, á parte da capela organizada. Assim, os lugares de adoração existentes em lares, escolas e outros lugares foram da capela recebem esse nome. Em algumas traduções da Bíblia, a palavra capela aparece em Amos 7.13 para indicar o santuário de Jeroboão em Betei.

 Foi ali que aquele monarca estabeleceu o seu culto real ao bezerro de ouro, que veio a tornar-se um culto rival daquele efetuado no templo de Jerusalém (I Reis 12.25-33). Amazias tornou-se o sacerdote desse santuário (Amós 7:10-17)

Nos hospitais que contam com este ministério são melhor conceituados por terem visão holística, renovando a esperança  e a força para lutar e trazendo novo desejo de vida aos pacientes hospitalizados ou em tratamento ambulatorial.  Em muitos casos, a Capelania ajuda a preparar o paciente terminal e sua família  para enfrentar a morte próxima, trazendo-lhes consolo e esperança da vida eterna.Pesquisas científicas têm sido publicadas reafirmando o impacto da fé sobre a saúde física e mental de pessoas que têm uma fé intrínsica e demonstram frequência a uma comunidade religiosa. Nestas pesquisas torna-se evidente que o grupo dos cristãos ocupa o centro das respostas favoráveis, o que nos faz lembrar que muito além da “fé na fé”, estas pessoas têm em Cristo a resposta para suas vidas, sendo ajudados e sustentados por Ele em todos os momentos

 

Capelania não é:

 

  1. Ativismos religioso
  2. Ocupação de tempo
  3. Fuga de atividades rotineiras
  4. Uma forma de fazer o bem para “ganhar o céu”
  5. Simples busca de realização pessoal
  6. Busca de fiéis
  7. Desempenhar papel para fazer relatórios
  8. Fazer o bem com motivação de reconhecimento público
  9. Praticar boas obrar por tradição familiar ou religiosa
  10. Ostentar certificado ou “carteirinha”

 

Capelania é:

  1. Acessoria espiritual sem priorizar placa de igreja
  2. Apoio espiritual e psicológico
  3. Encorajar pessoas em situação de conflitos e dúvidas
  4. Aconselhamento Bíblico
  5. Ministrar sobre todos os atributos de Deus
  6. Tentar “amenizar” a dor, encorajar a lutar
  7. Ouvir
  8. Demonstração de Ajuda do Alto
  9. Praticar o amor de Deus
  10. Auxiliar pessoas a receberem amor e perdão incondicional de Deus

 

Lei sobre Capelania nos Hospitais RJ

LEI Nº 4.622, DE 18 DE OUTUBRO DE 2005 
 

Autoriza o Poder Executivo a criar o Serviço Voluntário de Capelania hospitalar no Estado do Rio de Janeiro.

A Governadora do Estado do Rio de Janeiro,
Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro decreta e eu sanciono a seguinte Lei:


 

Art. 1º - Fica o Poder Executivo autorizado a criar, nos hospitais públicos do Estado do Rio de Janeiro, o serviço voluntário de Capelania Hospitalar, com vistas ao atendimento espiritual fraterno dos pacientes internados e seus familiares.

Art. 2º - O Serviço de Capelania Hospitalar ficará subordinado à Direção do Hospital, cabendo ao Diretor aceitar ou não as indicações que se façam.

Art. 3º - O serviço voluntário será exercido mediante a celebração de termo de adesão assinado entre a entidade hospitalar e o prestador de serviço voluntário.

Art. 4º - O Serviço de Capelania Hospitalar deverá ser orientado por um Capelão voluntário, preferencialmente, formado em Teologia.

§ 1º - Na impossibilidade de se atender ao disposto no caput deste artigo, poderá o serviço ser coordenado por um leigo que apresente iguais condições para tal.

§ 2º - O serviço não poderá, em hipótese alguma, estar vinculado a nenhuma religião específica, devendo aceitar representantes dos diferentes credos existentes no país, respeitando o que preceitua o artigo 5º, incisos VI e VII da Constituição Federal.

Art. 5º
- Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação, estando revogadas as disposições em contrário.

 

O que é capelania Infantil?

 

A Capelania Infantil é um trabalho voluntário ministerial de atendimento espiritual, psicológico e emocional ao pequenino.

 

A missão da Capelania Infantil:

 

Atuar com crianças através de voluntários capacitados que levam amor, conforto, respeito e esperança ás crianças e aos familiares, vivendo a fé cristã através do atendimento espiritual, emocional, social, recreativo e educacional, sem distinção de credo, raça, sexo ou classe social, em busca contínua da excelência no ensino e no ministério de consolo e esperança eternos.

Temos então a missão de levar a paz e a alegria do Espirito Santo a todos os lugares e a todos pequeninos.

 

 

Por que fazer capelania infantil ?

 

É nosso dever viver e falar do evangelho. (Marcos 16:15).

Porque estão em Perigo (Mateus 18:14)

Jesus disse:Deixai vir a mim os pequeninos ".

(Marcos 10:14)

Porque é uma ordem dada por Jesus (João 21:15/Marcos 10:14/ Provérbios 22:6)

Porque Jesus se importa com as crianças e as valoriza

(Mt. 21.16, 11.25/ Mc 9:36)

È nosso dever ajudar o próximo

 
 

AEIOU do Trabalho   de Capelania com as Crianças

 

A – Amor e Atitude

E – Esperança

I – Investimento

O – Oração

U – Urgência

 

 

Necessidades das Crianças

Amor

Atenção

Carinho

Ação

Oração

Aceitação

Palavra de Apoio

 

 

O papel do Capelão de Crianças

 

A tarefa do capelão infantil não é tão simples como se imagina. É um trabalho complexo que não se baseia apenas em ações, mas necessita de uma orientação clara, motivação definitiva, atitude positiva, compreensão,visão panorâmica, planejamento e execução cuidadosa.

O capelão deve assistir a criança, levando em consideração a necessidade de cada pequenino na área física, emocional e espiritual. Logo, trabalhamos com toda necessidade da criança e não em partes.

 

Como Evangelizar Crianças ?

 

A criança é um alvo perfeito para a evangelização,devido á sua sinceridade e humildade, e não é difícil para ela confessar o seu pecado.

Ela é sensível ao pecado porque não tem o coração duro como a de um adulto, ele está livre de preocupações que dificultam muitas conversões. Além disso, a criança tem muita credibilidade em nós adultos.

Uma criança vai guardar a palavra do Senhor para sempre. Nos Salmos 78,diz que a cura de uma geração vem pelas crianças.

 

 

Áreas da Capelania Infantil

 

  1. Capelania Hospitalar
  1. Capelania Carcerária
  1. Capelania Esportiva
  1. Capelania Estudantil
  1. Capelania Social

 

 

Como deve ser o Capelão de Crianças

 

Ter certeza da salvação

Dedicado e chamado por Deus

Conhecedor da Palavra

Ama e compreende as crianças

Vive uma vida cristocêntrica

Ser servo

Dá exemplo em sua vida diária

Comunicativo

Alegre

É responsável, não desanima facilmente

Simpático, saber relacionar se com facilidade

Reconhecer que a criança também precisa de socorro

 

 

Plano da Salvação através da cores

 

1. Deus me ama

2. Sou pecador

3.Jesus morreu e ressuscitou por mim.

4.Recebo o Senhor

5.Sou salvo